Pix Programado – veja o passo a passo para agendar seu envio

Para realizar um Pix Programado com sucesso, é essencial que você cumpra três requisitos: 

  • Ter o aplicativo RecargaPay instalado no dispositivo
  • Possuir a chave Pix da pessoa que receberá o dinheiro
  • Saber a data em que a transferência deve ocorrer

O Pix é uma forma de pagamento que revolucionou a maneira como lidamos com transações financeiras no país. Para quem não se lembra, o Pix foi criado em 2020 pelo Banco Central do Brasil.

A rapidez, praticidade e gratuidade no envio de valores são alguns dos fatores que fizeram com que ele se tornasse extremamente popular. 

Além disso, o sistema é versátil, permitindo programar o dia em que a transferência será concluída, o que é especialmente útil para planejar pagamentos futuros.

A versatilidade do Pix é um dos principais motivos que justificam seu sucesso, com mais de 100 milhões de transações diárias. 

Para ajudar você a aproveitar ao máximo essa ferramenta, vamos ensinar, neste artigo, como programar um pagamento via Pix de maneira fácil e prática no RecargaPay.

Programando um Pix no RecargaPay

  1. 1 – Baixar o RecargaPay

    Inicialmente, clique na imagem aqui embaixo e baixe e instale o aplicativo no seu dispositivo


  2. 2 – Iniciar a transferência Pix

    Na seção Pix, selecione “Fazer Pix” para começar o processo de transferência


  3. 3 – Escolher o tipo de chave Pix

    Escolha a forma como deseja informar os dados do destinatário da transferência, como CPF/CNPJ, e-mail, telefone ou chave aleatória. Insira a informação solicitada

  4. 4 – Inserir os dados do destinatário

    Caso não tenha escolhido uma das chaves Pix como identificação, insira manualmente os dados do destinatário, como nome, banco e número da conta

  5. 5 – Digitar o valor da transferência

    Informe o valor que deseja transferir e confirme se todos os dados estão corretos

  6. 6 – Programar a transferência

    Antes de confirmar a transferência, selecione a opção “Programar para outra data” e escolha a data e hora em que deseja que a transferência seja realizada

  7. 7 – Confirmar e finalizar

    Verifique se todos os dados estão corretos e selecione a opção “Confirmar” para finalizar o processo. A transferência será realizada na data e hora programadas.

Como funciona o Pix Programado?

O Pix Programado é uma opção que permite ao usuário escolher a data em que deseja realizar uma transação, seja ela uma transferência entre contas ou um pagamento. Contudo, vale ressaltar que o agendamento é restrito à data, não sendo possível escolher o horário específico da operação.

Mas, cai que horas o Pix Programado? Quando o dia que você programou chega, o dinheiro é transferido automaticamente nas primeiras horas da manhã, assegurando que a operação seja concluída no início do dia escolhido. 

Dessa forma, o usuário pode planejar seus pagamentos com antecedência, sem se preocupar em realizar a operação manualmente no momento adequado.

O funcionamento do Pix agendado é bastante simples: ao selecionar essa opção no aplicativo do banco ou instituição financeira, o usuário insere os dados da conta de destino, o valor da transação e a data desejada para a operação

No dia escolhido, o valor é debitado automaticamente da conta do pagador e creditado na do beneficiário, sem a necessidade de intervenção manual.

Embora o Pix Programado já estivesse disponível desde o lançamento do sistema Pix em 2020, o Banco Central exigiu obrigatoriedade dos bancos  participantes em 2021. 

Essa medida visava garantir que todos os usuários tivessem acesso a essa opção, ampliando ainda mais as possibilidades de utilização do sistema de pagamentos instantâneos.

Por que fazer um Pix Programado?

O Pix Programado é uma funcionalidade criada pelo Banco Central que oferece uma série de benefícios para os usuários do sistema de pagamentos instantâneos. 

A ideia principal é ajudar na organização dos envios de dinheiro, garantindo que todos os pagamentos estejam programados para a data correta.

Confira algumas das principais vantagens de utilizar essa função:

  • Maior organização financeira
  • Você não esquece de realizar um pagamento
  • É totalmente seguro
  • Flexibilidade e praticidade
  • Sem custo adicional

É seguro programar um Pix?

Muitos usuários têm dúvidas sobre a segurança do Pix Programado, principalmente no que se refere ao agendamento das transações e possíveis riscos envolvidos.

É importante ressaltar que o Pix é um sistema seguro e que o agendamento de transações também é totalmente seguro. Não há risco de o dinheiro ser enviado duas vezes ou de desaparecer da conta do usuário. 

O Banco Central e as instituições financeiras participantes do Pix adotam rigorosos padrões de segurança para garantir a proteção das informações e das transações realizadas.

Se o usuário estiver com receio em relação ao agendamento, é possível cancelar a transação programada antes da data escolhida. Basta acessar o aplicativo do banco ou da instituição financeira e seguir as instruções para cancelamento.

No entanto, é importante estar ciente de que o maior risco associado ao Pix Programado é para quem vai receber a transferência. Um dos principais golpes de Pix é o do comprovante de Pix falso, no qual os golpistas agendam transferência e cancelam utilizando o comprovante como se fosse um comprovante de transferência instantânea. 

Dessa forma, a pessoa que deveria receber o pagamento acredita que o dinheiro já foi enviado e pode liberar produtos ou serviços antes de efetivamente receber o valor.

Atualmente, outro golpe que tem afetado empresários, lojistas e pessoas que vendem na internet é o cancelamento de transferências agendadas. 

Nesse caso, os golpistas agendam a transferência, enviam o comprovante para o vendedor e, em seguida, cancelam a transação antes da data programada. O vendedor, acreditando que o pagamento foi realizado, pode acabar sendo prejudicado.

Para se proteger desses golpes, é fundamental que os vendedores confirmem o recebimento do dinheiro antes de liberar produtos ou serviços. Além disso, é importante verificar a autenticidade dos comprovantes e estar atento às informações neles contidas, como a data da transferência e se trata de um Pix instantâneo ou programado.

Qualquer pessoa pode programar um Pix?

É importante esclarecer que não há requisitos complexos para utilizar o Pix Programado. Basta que o usuário tenha uma chave Pix cadastrada junto à sua instituição financeira para poder acessar e utilizar essa função. 

Atualmente, todos os 138 milhões de usuários do sistema podem usufruir dessa ferramenta.

O Pix Programado pode ser acessado por meio do aplicativo ou do site da instituição financeira na qual o usuário possui conta. A maioria dos bancos e instituições já disponibiliza essa funcionalidade, seguindo a determinação do Banco Central.

Além do cadastro da chave Pix, não existem outros requisitos específicos para o uso do Pix Programado. Contudo, vale lembrar que o usuário deve ter saldo suficiente em sua conta na data programada para a transação. Caso contrário, a operação não será realizada, e será necessário reagendar a transferência ou pagamento

Como cancelar um Pix Programado?

É importante ressaltar que a transferência programada não é realizada até o dia em que foi agendada. 

Até essa data, é possível cancelá-la sem a necessidade de ajuda de terceiros ou o uso de ferramentas específicas, como o Mecanismo de Devolução (MED), que é utilizado para devolver valores em casos de erros ou fraudes.

A seguir, vamos apresentar os passos para cancelar um Pix Programado no aplicativo RecargaPay. Vale lembrar que o processo deve ser feito até um dia antes da data programada para a transação:

  • Acesse o aplicativo RecargaPay e faça login em sua conta
  • No menu principal, selecione a opção “Pix”
  • Em seguida, escolha “Histórico” para visualizar todas as transações realizadas e programadas
  • Localize a transação programada que deseja cancelar e clique sobre ela
  • Verifique os detalhes da transação e, se estiver tudo correto, selecione a opção “Cancelar Pix Programado”
  • Confirme o cancelamento e aguarde a confirmação de que a operação foi cancelada com sucesso

Ao seguir esses passos, você conseguirá cancelar um Pix Programado no RecargaPay de maneira simples e descomplicada. 

Lembre-se de que o cancelamento só pode ser realizado até um dia antes da data agendada para a transação. Caso contrário, não será possível cancelar a operação, e o valor será transferido conforme o programado.

Pix Programado é compatível com outros tipos de envios?

O Pix Programado é compatível apenas com o envio via chave Pix ou pagamento Pix QR Code

Isso significa que é possível agendar o pagamento de um boleto via Pix, por exemplo, utilizando o QR Code disponível no documento. 

Como também, é possível programar o envio de dinheiro para amigos ou familiares utilizando a chave Pix cadastrada por eles.

Entretanto, é importante ressaltar que não é possível agendar o envio de Pix com cartão de crédito. Isso ocorre porque o dinheiro precisa ser debitado da conta do usuário no momento do agendamento de cobrança, pelo menos na versão atual do sistema. 

Portanto, o Pix Programado está restrito aos valores disponíveis na conta do usuário, não sendo compatível com a utilização do limite de crédito do cartão.

Tem limite ou taxa no Pix que foi programado?

O Pix Programado é uma versão do Pix que apenas agenda o envio para uma data futura. É comum que os usuários se perguntem se há tarifas de Pix para pessoas físicas.

No entanto, é importante destacar que a transferência em si é considerada um envio normal e, por isso, é totalmente gratuita para pessoas físicas.

O Pix é e sempre será gratuito para pessoas físicas, conforme determinação do Banco Central. Portanto, notícias e rumores sobre a cobrança de taxas para pessoas físicas são falsos e não devem ser levados em consideração.

Em relação aos limites do Pix Programado deve obedecer aos limites padrões estabelecidos para o Pix. Esses limites variam conforme a instituição financeira e podem ser diários, mensais e noturnos. Veja abaixo como funcionam esses limites:

  • Limite diário: é o valor máximo que pode ser transferido via Pix em um único dia. Esse limite é definido pela instituição financeira
  • Limite mensal: é o valor máximo que pode ser transferido via Pix ao longo de um mês. Ele é estabelecido pela instituição financeira e pode ser diferente para cada cliente
  • Limite noturno: algumas instituições financeiras estabelecem um limite específico para transferências realizadas durante a noite

Conclusão

Em resumo, o Pix Programado é uma funcionalidade do sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central que permite aos usuários agendar transferências e pagamentos para datas futuras. Essa opção traz benefícios como maior organização financeira, segurança e flexibilidade nas transações, além de ser gratuita para pessoas físicas. 

Recomenda-se o uso do Pix Programado para planejar melhor seus pagamentos e transferências, evitando atrasos e garantindo maior controle financeiro. Contudo, é fundamental estar atento aos golpes relacionados ao Pix Programado, como comprovantes falsos e cancelamento de transferências agendadas, garantindo assim a segurança nas transações. 

Por fim, é importante lembrar que o Pix Programado é gratuito para pessoas físicas e deve obedecer aos limites estabelecidos pelas instituições financeiras, como diários, mensais e noturnos. Essas informações são essenciais para utilizar adequadamente a funcionalidade e evitar problemas ou transtornos no momento das transferências.